Pesquisa:

Inicio // Contactos // Mapa do site

Mensagem do Presidente

 

O Tribunal da Relação de Lisboa é o mais antigo do nosso país, instalado neste edifício a seguir ao terramoto de 1755, que aqui sepultou a Opera do Tejo, uma das mais sumptuosas da Europa, como fez com muitas outras riquezas do país.
Porque “quem não tem passado não tem futuro”, sobre nós impende o dever de respeitar a memória do “antes” para o “depois”, mantendo esta instituição viva e interventiva na vida dos portugueses.

O Presidente do Tribunal da Relação de Lisboa é eleito pelos seus pares, o que lhe confere condições de legitimidade e de legitimação que lhe permitem levar o tribunal aos cidadãos e manter o tribunal aberto aos mesmos cidadãos, falando e prestando contas por ele, assim cumprindo essa dupla exigência do seu mandato democrático.

O Presidente do Tribunal da Relação de Lisboa

(Orlando Santos Nascimento)
mais info


VISITAS
AO EDIFICIO DO TRIBUNAL DA RELAÇÃO DE LISBOA

Este Tribunal da Relação de Lisboa encontra-se instalado na Praça do Município/Rua do Arsenal desde 1795, então com a designação de “Tribunal da Suplicação”.

É o tribunal mais antigo de Lisboa e do país, construído de raiz para Tribunal, sobre o que restou da Ópera do Tejo.
Apesar da sobriedade das suas instalações, pela sua antiguidade, apresenta pormenores muito do agrado de quem nos visita, nomeadamente, dois varandins que resistiram ao terramoto, um virado à Rua do Arsenal e outro ao rio Tejo.
Tratando-se de um edifício público entendemos que deverá estar aberto à fruição de todos os que nos quiserem visitar.
Para o efeito, iniciaremos a realização de visitas guiadas no próximo dia 21 de setembro, sexta-feira, pelas 10,30 horas, mediante simples identificação dos visitantes.



Brazão
© 2008 - Tribunal da Relação de Lisboa
webdesign by :: RightClick