Pesquisa:

Inicio // Contactos // Mapa do site

Mensagem de Boas Vindas

Presidente do Tribunal

Fotografia de Rosa Reis



 

A Casa da Relação de Lisboa

Em Agosto de 2008, passaram 175 anos sobre a (re)fundação contemporânea da Casa da Relação de Lisboa. Terminada a Guerra Civil entre a facção miguelista/absolutista e as hostes pedristas/liberais, era tempo de os vencedores ajustarem contas com as instituições de Antigo Regime. Os bens da Coroa e das ordens monásticas, a fazenda da Universidade de Coimbra e velhos tribunais como a Casa da Suplicação e o Desembargo do Paço não escaparam aos “dies irae”.


mais info

 

Numa era em que abordamos com a mesma naturalidade a grandeza do Quark ou a profundidade da alma, torna-se necessário reflectir no sentimento que, desde os primórdios da humanidade, é comum a todo o ser humano: a Justiça. Diferentes credos, diferentes ideais políticos, diferentes cores de pele, diferentes profissões ou geografias, não nos podem afastar da procura do Paradigma da Justiça, aquela que é esperada e sentida por cada cidadão como Justa.  Neste Tribunal da Relação de Lisboa, em que, todos os dias, homens e mulheres se esforçam por fazer a diferença entre a prolação de mais uma decisão e a prolação da decisão mais adequada às questões que lhe são colocadas, criando um espaço em que o trabalho é exercido com dignidade e com consideração por cada destinatário das respectivas decisões, lançamos o desafio de continuar a acreditar que somos capazes de exercer as nossas funções com a sabedoria dos que, conhecendo os opostos, respeitam a diferença. Conhecendo e reconhecendo a audácia do desafio, a todos endereço as boas vindas a este Portal de Comunicação, nesta que é a nossa e a vossa Casa da Justiça!

O Presidente do Tribunal da Relação de Lisboa

(Luís Maria Vaz das Neves)


Brazão
© 2008 - Tribunal da Relação de Lisboa
webdesign by :: RightClick